Um pouco de mim

Minha foto
São Paulo, Brazil
Pode me chamar de Jan! mãe,esposa,pessoa sonhadora... me equilibro entre leituras, trabalho, estudos e o cuidado com a casa, nesse meio tempo eu observo a vida, ouço musicas e leio livros, vejo fatos e pessoas e vou tirando minhas conclusões, e é no blog que compartilho! E como filho de peixe, peixinho é... O Blog Curiosidades de Criança é das minhas princesas, Sofia e Abigail. Agradecemos a visita

domingo, 18 de agosto de 2013

Marcadas pela diferença

Autor: Janette Oke
Editora: Vida
Página: 216
Categoria: Romance


Sinopse 

Havia momentos em que Berta desejava ser filha única e que sua irmã Glenna nunca tivesse nascido... ou pelo menos que não fosse tão bonita e tão simpática.

"Ela é encantadora! Vejam estes cabelos cacheados. Olhem estes olhos azuis. Ela é simplesmente linda."

Berta já estava mais do que acostumada com comentários deste tipo. Sempre que havia visitas em sua casa ou que sua mãe encontrava amigas na rua, todos ficavam admirando sua irmãzinha. Na cabeça de Berta isso já era suficiente para ver Glenna como a "predileta" e para iniciar um processo de ciúmes com graves conseqüências.

Aos poucos, Berta decidiu que não seria nada que Glenna fosse, não faria nada que sua irmã fizesse e não gostaria de nada de que ela gostasse. Berta resolveu que seria o oposto de sua irmã em tudo. Glenna era brilhante, alegre, simpática e querida. Berta tornou-se séria, segura, formal e não se achava nada especial, especialmente quando comparava à Glenna.

À medida em que as duas garotas cresciam, a decisão de Berta acabou determinando não só sua atitude e personalidade, mas todo o seu relacionamento com a irmã. No entanto, chegaria o dia em que Berta teria de olhar profundamente seu coração e descobrir o que realmente alimentava a distância entre elas. O que ela descobriu mudou completamente a sua vida, trazendo-lhe alegria e realização.


*
Gostei muito desse livro, pois ele mostra duas garotas, irmãs e rivais... que se amam.
Por muito tempo Berta viveu num mundo só dela. achando que de certa forma, o mundo convergia contra ela, porem com o tempo e amadurecimento, ela viu que as coisas não eram bem assim.
quando li esse livro, o fiz junto com minha irmã... Eu só queria saber com qual ela se identificou, pois eu a achava exatamente como a Glenna.
a escrita de Janete é apaixonante e simples, mas não simplista. ela cria personagens autênticos e dilemas reais.
Janete abordou um tema de cunho espiritual, bíblico, sem ser forçado, a reflexão fluiu levemente nos levando a uma reflexão profunda sobre 'de que somos feitos?'
Li não, devorei o livro em poucos dias e foi um dos primeiros romances que li, em fase adulta (por volta de 2002 - 2005 me foquei em livros de inspiração e estudos).
E me reapaixonei pela leitura romanceada e não parei mais.
Indico, nota 4

Um comentário:

  1. É um livro delicioso e a leitura é leve (mas profunda - ok, é uma obra de arte). Me surpreendeu :)

    ResponderExcluir

Agora é sua vez de falar!

Visando a boa qualidade do blog, os comentários serão publicados após serem lidos e aprovados por mim
(serão excluidos comentários que venham denegrir a imagem de alguém ou marca, comentários com palavrões e/ou ofensas.)
E, por favor assine seu nome ao fim de seu comentário

Obrigada pela compreensão

Jan